2 de abr de 2010

O soldadinho e a bailarina


O soldadinho e a bailarina


E o que era amor ardeu tanto
Nas chamas absurdas
Olhos (en)canto
destino tornou um


Contos de amores e sombras
Melancolia de um blues
Nas cinzas restou ao mundo

Do valente:
pequenino coração de chumbo

Uma pedrinha azul:
a marca da presença dela
Ternos ardiam como brasa

Eternamente juntos
Um valoroso soldadinho
E a delicada bailarina rosa

3 comentários:

  1. Adoro Andersen, tanto que tenhoa até um conto no meu blog inspirado em um de seus contos de fadas, em breve tbm postarei outro.
    Adorei essa postagem, tah perfeita, parabéns!

    ResponderExcluir
  2. Celly, adoraria ler esse conto, manda o link!!! Obrigada pelo carinho.

    ResponderExcluir
  3. É um conto sobre cisnes, espero que goste, em breve postarei lá no blog um conto inspirado inteirinho na Sereiazinha. Tah ai o link:
    http://afantasista.blogspot.com/2009/11/o-canto-do-cisne.html

    Obrigada pelo interesse.

    ResponderExcluir